21/04/2024

Rozenha propõe Título de Cidadão do Amazonas ao presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues

         

 

O deputado estadual e Presidente da FAF, Federação Amazonense de Futebol, Rozenha, protocolizou o Projeto de Lei na ALEAM, no dia 20 de junho. O mandatário da CBF é o primeiro presidente negro da história da instituição e maior incentivador do maior campeonato da história que reunirá os povos tradicionais do interior do Amazonas

Rozenha propôs o Título de Cidadão do Amazonas ao presidente da Confederação Brasileira de Futebol-CBF. O Projeto de Lei foi apresentado na Assembleia Legislativa do Amazonas-ALEAM, no último dia 20 de junho.

Para o deputado, o título é de extrema importância pelo apoio e voz que o presidente, Ednaldo Rodrigues está dando ao futebol amazonense e tudo o que ele representa para o futebol brasileiro. Rodrigues, inclusive, é o maior apoiador da Copa da Floresta, competição organizada pela FAF, prevista para agosto, que reunirá os povos tradicionais do interior do estado do Amazonas.

“O presidente Ednaldo Rodrigues é um ser humano que veio para fazer a diferença no futebol brasileiro. Sua vida é feita de superação e quebra de barreiras. Ele está dando voz ao futebol nortista, abriu portas para o futebol amazonense. Agora, as mulheres têm espaço, a base é valorizada. É justamente o que nós estávamos precisando. O seu apoio à Copa da Floresta nos fortaleceu. FAF e CBF vão realizar o maior campeonato da história que reunirá os povos tradicionais do interior do Amazonas. Motivo de orgulho para todo amazonense”, destaca.

Diante da trajetória do mandatário da CBF, a ALEAM concorda com a homenagem, pois, ele preenche os requisitos da Casa, pelos relevantes serviços prestados de incentivo e desenvolvimento do futebol no Amazonas, além da reconhecida idoneidade moral que é a qualidade de pessoa íntegra.

A entrega do título será realizada em reunião especial da Assembleia Legislativa, que ocorrerá em dia e hora definidos pela Mesa Diretora. “Há a previsão que o mandatário da CBF esteja em Manaus no mês de agosto para a abertura da Copa da Floresta”, revela Rozenha.

“A Copa da Floresta será realizada em parceria com a CBF. O presidente, Ednaldo deu total apoio, pois sabe da importância da competição que vai reunir times de povos tradicionais, inclusive, ele declarou que a nossa gestão é parecida a sua a frente da CBF. É uma honra saber que estamos no mesmo caminho”, completou.

Conheça a trajetória de Ednaldo Rodrigues

Ednaldo Rodrigues Gomes é brasileiro, natural de Vitória da Conquista, Bahia, casado há 40 anos com Rita Galvão, com quem tem uma filha, Rafaela, e dois netos, João Gabriel e Pedro Enrico, que nasce em um mês. É graduado em Ciências Contábeis, com extensão em auditoria financeira pela Faculdade Visconde de Cairu, em Salvador. Foi Gerente Geral de empresas multinacionais, como Coca-Cola e Pepsi. Também tem qualificação profissional em Gestão Administrativa pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e em Gestão do Futebol no Legado da Copa pela FIFA e pela CBF Academy, tendo participado de eventos importantes como Footecon e Soccerex. Foi Membro Efetivo do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social do Estado da Bahia, Membro Efetivo do Comitê de Reformas do Futebol Brasileiro da CBF, Chefe da Delegação Brasileira em diversos amistosos da Seleção e Delegado da CBF nas Copas do Mundo FIFA de 2002 e 2006.

Como dirigente esportivo, sua carreira começa bem antes da Federação Bahiana de Futebol (FBF): foi Presidente da Liga Conquistense de Desportos Terrestres entre 1979 e 1983, tendo se sagrado campeão do Campeonato Intermunicipal de Futebol da Bahia, um dos mais disputados do mundo, com mais de 80 municípios e 3.000 atletas participantes.

Em 1993, ingressou na Federação Bahiana de Futebol (FBF) como Diretor de Futebol Intermunicipal, assumindo posteriormente a Diretoria de Futebol e a Diretoria de Registros e Transferências. Quatro anos após, em 1997, tornou-se VicePresidente, com a profissionalização da entidade pelas mãos do então Presidente, Virgílio Elísio, que veio a ser Diretor de Competições da CBF, pavimentando o caminho para a eleição de Ednaldo Rodrigues à Presidência da FBF por aclamação, em 2001.

Foi reeleito na FBF por mais três mandatos, todos por aclamação, saindo em 2019 para assumir a Vice-Presidência da CBF. Como reconhecimento pelo trabalho realizado no desenvolvimento do futebol baiano e nordestino, recebeu a Comenda Dois de Julho, mais alta honraria outorgada pela Assembleia Legislativa da Bahia às pessoas que prestam relevantes serviços à sociedade, aprovada por unanimidade pela iniciativa do deputado Jânio Natal, atual prefeito de Porto Seguro, que fez questão de destacar que Ednaldo foi um dos idealizadores da Liga do Nordeste. Tendo como bandeiras a união e o diálogo com todos os integrantes da estrutura do futebol brasileiro, Ednaldo Rodrigues permaneceu como Presidente em exercício da CBF até a Assembleia Geral Eleitoral de 23 de março de 2022, que o escolheu para exercer a Presidência até 2026.

Candidato único pela chapa “Pacificação e Purificação do Futebol Brasileiro”, foi eleito com a quase totalidade dos votos: 26 das 27 Federações Estaduais, 20 Clubes da Série A e 19 dos 20 Clubes da Série B do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Deputado Rozenha

Foto: Divulgação 

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *