21/05/2024

Ponta Negra vai receber espetáculo de acrobacias da Esquadrilha da Fumaça, no dia 8/7

         

Somando mais de 4 mil demonstrações realizadas no Brasil e em 21 países, a “Esquadrilha da Fumaça” vai rasgar os céus do complexo turístico Ponta Negra, no dia 8 de julho, a partir das 16h, na zona Oeste da capital. O evento marca as comemorações da Força Aérea Brasileira (FAB) para a homenagem aos 150 anos do nascimento do brasileiro Santos Dumont, contando com apoio da Prefeitura de Manaus.

O Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), nome oficial da esquadrilha, representa para milhares de brasileiros a oportunidade de estabelecer contato, de maneira emocionante e inesquecível, com a FAB. Em Manaus, a estimativa dos envolvidos na organização do evento é de receber um público de 3 mil pessoas para acompanhar as acrobacias aéreas.

As comemorações em torno do patrono da aviação e inventor do avião 14-Bis envolvem, ainda, em Manaus, cerimônias militares, palestras em escolas, exposições em shoppings e no aeroporto internacional Eduardo Gomes, apresentação da orquestra sinfônica da FAB no Teatro Amazonas, corrida, entre outros.

O comandante do Sétimo Comando Aéreo Regional (7º Comar), major-brigadeiro do ar David Alcoforado, lembrou da importância da data e da visibilidade aos feitos de Santos Dumont, incluindo a apresentação no entorno da praia da Ponta Negra e do anfiteatro.

“Estamos dando o suporte e apoio necessários para essa comemoração em Manaus, para celebrar a grandiosidade e relevância histórica da existência de Dumont, um visionário e obstinado brasileiro”, comentou o diretor-presidente do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), Carlos Valente.

Aproximadamente dez secretarias municipais dão apoio para a apresentação da esquadrilha, incluindo o Centro de Cooperação da Cidade (CCC), Implurb, Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Semseg), entre outras.

Demonstração Aérea
Toda apresentação da EAD conta com sete pilotos em sete aeronaves. Cada posição de voo tem uma função específica. Um oitavo piloto fica em solo realizando a locução. As missões também podem contar com avião de apoio para o transporte de equipe e material. Geralmente, a demonstração tem duração de 35 minutos e conta com quase 50 acrobacias.

Em uma demonstração aérea, antes da decolagem, os sete pilotos são acompanhados pelos mecânicos da área de manutenção e se apresentam para o líder da esquadrilha, marchando até os aviões e iniciando as ações necessárias para a partida das aeronaves. Após todos os procedimentos de segurança, é dado início ao show aéreo.

A “Esquadrilha da Fumaça” já atingiu três recordes mundiais no “Guinness World Records”. O último recorde alcançado aconteceu em 2006, quando 12 aeronaves voaram de dorso (cabeça para baixo) por 30 segundos, percorrendo 3.000 metros. O momento ocorreu na Academia da Força Aérea (AFA), em Pirassununga (SP) Anteriormente, no ano de 1996, a esquadrilha bateu seu primeiro recorde, quando dez aeronaves fizeram o voo invertido por 30 segundos, uma marca então inédita. No ano de seu cinquentenário, 2002, a Fumaça atingiu mais um recorde com o voo invertido de 11 aviões.

 

Fonte: Implurb

Foto: Divulgação

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *