16/07/2024

Dia do Enxadrista: Celebrando a arte do xadrez na Vila Olímpica de Manaus

         

 

Atividade atende mais de 50 crianças e adolescentes

Em reconhecimento ao Dia do Enxadrista, comemorado nesta quarta-feira (12/06), o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), reafirma seu compromisso com a formação e inclusão social de jovens e crianças ao oferecer aulas de xadrez na Vila Olímpica de Manaus. A iniciativa faz parte do Programa Esporte e Lazer na Capital e Interior (Pelci) e tem beneficiado mais de 50 meninos e meninas, com idade entre 7 a 17 anos.

“A prática do xadrez aqui na Vila Olímpica tem sido um grande sucesso. Ela ajuda a desenvolver a disciplina, a paciência e o respeito, além de ser uma excelente forma de incluir socialmente os participantes. Queremos criar oportunidades para o desenvolvimento pessoal e social, e o xadrez é uma ferramenta poderosa nesse sentido”, disse o secretário da Sedel, Jorge Oliveira.

O xadrez é um jogo que oferece múltiplas vantagens, não apenas para os jovens, mas para pessoas de todas as idades. Ele estimula a resolução de problemas, melhora a capacidade de planejamento e fortalece a tomada de decisões. Além disso, o xadrez ajuda na gestão de conflitos e na construção de estratégias, habilidades essenciais tanto no tabuleiro quanto na vida cotidiana.

“Nós utilizamos uma metodologia explicando o teórico, como a história do xadrez, quando ele começou, quando ele chegou no Brasil, onde ele foi criado, de uma maneira geral falando sobre a história. E depois desenvolvemos a função de cada peça, de maneira lúdica para que eles consigam compreender e desenvolver o jogo”, explicou Ivan Guimarães, responsável pelas aulas de xadrez na Vila Olímpica.

As aulas de xadrez, promovidas pelo Pelci, oferecem uma oportunidade para os adolescentes e crianças da capital amazonense aprimorarem suas habilidades em um ambiente acolhedor e estimulante. O xadrez, além de ser um passatempo estratégico, é reconhecido por seus benefícios no desenvolvimento de habilidades cognitivas, como o pensamento crítico, a memória e a concentração.

“Eu gosto muito de xadrez e queria muito fazer as aulas. Então eu pedi à minha mãe, para que ela deixasse eu vir para a Vila. Hoje estou aqui participando das aulas, espero futuramente participar de campeonatos e conquistar medalhas”, exaltou a aluna do Pelci, Aisha Fernanda.

As aulas de xadrez na Vila Olímpica de Manaus são realizadas às segundas e quartas-feiras, com sessões matinais das 9h às 10h, e vespertinas das 15h às 16h. Aos interessados, as inscrições podem ser realizadas no setor de cadastro da Vila Olímpica de Manaus.

 

 

Fonte: Sedel

Foto: Julcemar Alves

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *