22/06/2024

Paratleta amazonense tem chances de classificação para as Paraolimpíadas de Paris 2024

         

Lucas dos Santos, do halterofilismo, vai competir nos Jogos Parapan-americanos no Chile

O paratleta Lucas dos Santos, destaque no halterofilismo do Amazonas, embarca em uma jornada em busca da vaga nas Olimpíadas de Paris 2024. Aos 21 anos de idade, o amazonense se junta à delegação brasileira que competirá nos Jogos Parapan-Americanos, programados para acontecer de 17 a 26 de novembro, na cidade de Santiago, no Chile.

“É determinação do governador Wilson Lima que possamos, por meio de políticas públicas efetivas, como o Bolsa Esporte Estadual e Projeto Amazonas nas Olimpíadas de Paris 2024, proporcionar todo o apoio necessário aos nossos paratletas. Assim, permitindo que esses paratletas alcancem seu potencial máximo e consigam representar o Amazonas nas próximas paraolimpíadas”, disse Jorge Oliveira, secretário de Estado do Desporto e Lazer (Sedel).

A promessa no halterofilismo iniciou no esporte aos 13 anos, atualmente conta com o apoio do Governo do Amazonas, por meio dos projetos Bolsa Esporte Estadual e Amazonas nas Olimpíadas de Paris 2024, que tem possibilitado o paratleta a participar de importantes competições do cenário esportivo.

“Minha expectativa é ficar entre os três melhores e tentar alcançar meu objetivo para Paris, se Deus quiser vou alcançar. Agradeço ao Governo do Amazonas pelo Bolsa Esporte, se não fosse esse apoio não estaria competindo com atletas de alto nível e representando bem o nosso Estado”, comentou Lucas dos Santos.

Lucas dos Santos tem uma má formação na perna direita e compete na categoria de até 49 quilos, entre suas conquistas mais notáveis estão dois títulos mundiais e uma medalha de bronze em sua primeira participação nos Jogos Parapan-Americanos, realizados em Lima, em 2019.

Atualmente, Lucas dos Santos ostenta a marca de 147 quilos, sua meta é levantar 153 quilos. Sua posição no ranking é crucial para sua classificação em duas competições importantes, que podem garantir a tão sonhada vaga olímpica.

 

Fonte: Sedel

Foto: Julcemar Alves

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *