17/06/2024

Doador de medula entra com alianças em casamento surpresa e noiva desaba em Manaus. Veja o vídeo

         

A pediatra Samira Ribeiro, de 41 anos, passou por fortes emoções neste sábado (21). Além de ter sido envolvida em uma trama para um casamento religioso surpresa, planejado pelo companheiro, Michel Ribeiro, viu o doador da medula que salvou a vida dela entrar com as alianças durante a cerimônia. Um momento emocionante que deixou todos os convidados com lágrimas nos olhos. Assista ao vídeo abaixo.

A Trama

Michel e Samira casaram no civil há 14 anos, mas por serem de religiões diferentes, acabaram deixando a oficialização da união no religioso para mais tarde. Só que uma leucemia aguda em 2019 e sessões de quimioterapia acabaram postergando esse sonho. Samira não tinha doadores 100% compatíveis na família e a recomendação médica foi procurar um doador no REDOME (Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea). Ela tinha uma chance em 100 mil de achar um doador compatível. Mas, como tem coisas que só Deus explica, ela foi abençoada e encontrou um doador 100% compatível.

Depois de quase um ano de tratamento, finalmente a confirmação de que ela atingiu a cura. Neste sábado, após muito empenho de parentes e amigos, foi possível concretizar o sonho do casamento no religioso, que acabou funcionando como uma renovação de votos e a apresentação para a família do doador da medula que salvou Samira. Eduardo Henrique, natural de Minas Gerais, nunca havia viajado de avião, mas por motivos óbvios, acabou aceitando vir a Manaus. Samira, não esperava vê-lo entrar com as alianças e desabou em choro e muita emoção.

O que é Medula Óssea?

A medula óssea, localizada no interior dos ossos, é o berço das células-tronco hematopoiéticas, responsáveis por gerar os componentes sanguíneos essenciais. Estes incluem as hemácias, encarregadas do transporte de oxigênio, os leucócitos, fundamentais para nosso sistema imunológico, e as plaquetas, vitais para a coagulação. O transplante, por conseguinte, visa substituir a medula doente do paciente por células saudáveis, promovendo sua regeneração. Essa intervenção pode ser crucial para cerca de 80 condições distintas, como leucemias, linfomas e mieloma múltiplo. As células-tronco se regeneram naturalmente, permitindo a recuperação do doador em aproximadamente duas semanas. Em certos casos, um doador pode ser compatível com mais de um paciente e realizar doações adicionais. Atualmente, em média, 850 pacientes aguardam por um doador não aparentado compatível.

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *