16/07/2024

Dia Nacional do Teste do Pezinho: Hemoam já realizou mais de 175 mil exames em 2024

         

Fundação alerta para importância do teste nos primeiros dias de vida do bebê

Neste dia Nacional do Teste do Pezinho, 6 de junho, a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), vinculada à Secretaria de Estado de Saúde (SES/AM), alerta os pais para a importância da realização do exame nos primeiros dias do bebê. Em 2024, são mais de 175 mil exames já realizados pelo Hemoam.

O Hemoam é o órgão responsável pelo exame e recebe amostras de mais de 50 pontos em Manaus, incluindo maternidades e UBS, e de todos os municípios do estado.

Em 2023, em meio a avanços nesse setor, com modernização do laboratório, também houve aumento de demanda, com um total de 451.183 exames do teste do pezinho.

“Implementamos mais tecnologia e eficiência na realização dos exames e no próprio resultado desses testes, isso garantiu uma otimização do tempo da liberação do laudo e o impacto é para as famílias que podem, em casos de alterações nos exames, intervirem de forma precoce para garantir a saúde da criança “, avaliou o chefe do Departamento de Análises Clínicas do Hemoam, João Paulo Pimentel.

Diagnóstico Precoce

O teste do pezinho é realizado em recém-nascidos e obrigatório no Brasil, desde 1992, com o objetivo de apoiar na detecção de doenças genéticas ou congênitas, que podem interferir diretamente na vida e no desenvolvimento da criança.

O início do tratamento precoce é fundamental para prevenir as consequências do avanço dos sintomas, principalmente sequelas neurológicas.

“Sua importância reside no diagnóstico precoce de diversas doenças como o hipotireoidismo congênito, a doença falciforme e outras hemoglobinopatias para evitar complicações futuras, por isso quanto antes for feito, melhor”, explicou João Paulo Pimentel.

Triagem Neonatal no Amazonas

O Teste do Pezinho detecta doenças que podem levar a deficiências mentais ou sequelas graves à criança, como aquelas relacionadas a imunodeficiências, hipotireoidismo congênito, anemia falciforme, fibrose cística, entre outras doenças raras.

O Programa Estadual de Triagem Neonatal, da SES-AM, coordena os serviços que envolvem a coleta, exames e atendimento aos pacientes com alterações no Teste do Pezinho.

A coleta deve ser feita nos primeiros dias de vida do bebê em maternidades e Unidades Básicas de Saúde, que encaminham as amostras ao Hemoam. Para pacientes que precisam de acompanhamento após os resultados dos exames, o local de atendimento, em Manaus, é a Policlínica Codajás.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Hemoam

Foto: Leonardo Mota

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *