Delegada pede prisão preventiva da mulher que arrancou o lábio de rival durante desentendimento em Manaus

O caso foi no dia 15 deste mês e gerou muita repercussão nas mídias sociais.

A delegada Alynne Lima do 16o Dip pediu na justiça a prisão preventiva de Samara Silva Pinheiro de 19 anos, autora da agressão contra uma funcionária pública de 35 anos, que teve parte do lábio arrancado com uma mordida.

Segundo o advogado de Samara, ela agiu em legítima defesa, mesmo assim a delegada está convicta de que a jovem deva ficar presa até o julgamento. O juiz ainda não analisou o pedido.

Mais detalhes em instantes.